Eduardo Ruman (In Memoriam)
Diretor-Presidente
Administrativo e Empreendedor
Denise Ruman
MTB - 0086489
JORNALISTA RESPONSÁVEL
The Biggest and Best International Newspaper for World Peace
BRANCH OFFICE OF THE NEWSPAPER "PACIFIST JOURNAL" in QATAR
Founder, President And International General Chief-Director / Founder, President And International General Chief-Director :  Denise Ruman - MTB: 0086489 / SP-BRAZIL
Local Chief-Director - Qatar / Local Chief-Director - Qatar :  SHAMIM AHMED
Mentor of the Newspaper / Mentor of the Newspaper  :  José Cardoso Salvador (in memoriam)
Mentor-Director / Mentor-Director  :  Mahavátar Babají (in memoriam)

Notícias Nacionais / 04/03/2021


A palavra política tem sua origem no grego “POLIS”, significa Cidade. Na verdade, entendemos que política é a arte ou a ciência de governar ou se desejarem, arte ou ciência da organização no tocante a administração de Nações ou Estados.

0 votes

Fonte ABCP Academia Brasileira de Ciência Política
Miranez Matias do Vale

RESUMO POLÍTICO

A palavra política tem sua origem no grego “POLIS”, significa Cidade. Na verdade, entendemos que política é a arte ou a ciência de governar ou se desejarem, arte ou ciência da organização no tocante a administração de Nações ou Estados.

Portanto, uma grande ferramenta para a normatização da convivência pacífica entre seus habitantes. A política é expansiva, visualizamos na forma de política interna ou política externa, e é exercida de várias maneiras.

Na democracia principalmente se propaga com o intuito de melhorar a Sociedade Civil, os cidadãos participam da política através das Associações, dos Sindicatos, dos Partidos Políticos, até mesmo em forma de Protestos, ou individualmente.

O verdadeiro político tem a obrigação moral de cuidar do bem estar dos seus governados, de fazer com que todos possam viver bem, com os cuidados mínimos necessários previstos em Lei, com um excelente programa de Governo que dê suporte, a política de Empregos e Renda, de Habitação, de Saúde, de Segurança Pública.

Lamentavelmente não é isso que vimos diuturnamente, ao contrário, convivemos com a fome, com a falta de emprego, de saúde, de habitação e de segurança pública, os valores morais ensinados por nossos ancestrais, completamente invertidos e pior nos forçando a aceitar a modernidade e assim saindo do campo da democracia para a imposição.

Os Direitos Humanos dividido em dois Direitos Humanos, Todos os cidadãos são iguais perante a Lei, sabemos que na prática não funciona assim. Direitos adquiridos sendo invalidados. Vivemos dias tão terríveis e desacreditados que certos nomes e ou expressões soam desconfortáveis para grande parte da população.

Em todos os tempos desde o início da humanidade quando aprendemos a arte de fazer política que também começou a arte de se apropriar do que não lhes pertence, do que é mais fácil por as mãos. Em verdade em tempos modernos levantam-se monumentos de progresso que devemos as pessoas justas e honestas, porém na mesma proporção, levantam-se penitenciárias sombrias erguidas por mãos irresponsáveis, por pessoas distantes do seu Criador, chegando ao ponto de nem mesmo o conhecer, nem mesmo saber o nome daquele que se identificou como “EU SOU”.

Em tempos atuais, no dia a dia em que vivemos, as palavras política ou político são sinônimo de “ALI-BÁ-BÁ”.

Triste realidade que o grande e saudoso brasileiro conhecido como Rui Barbosa, o Águia de Haia sobre esses dias terríveis assim profetizou: “De tanto ver triunfar as nulidades; de ver prosperar a desonra, de ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

E eu na minha humilde insignificância aqui deixo também registrado a minha reflexão: Enquanto os homens não souberem as razões pelas quais nascemos, morremos e renascemos em Cristo Jesus, e por mais fortes que sejam as organizações, não encontrar-se-ão seguras diante dos anéis, das roupas e dos fabulosos Diplomas, que algumas vezes concedem direitos errôneos aos homens, e com eles, confundem e escondem os homens reais dos irreais.

Sabemos e aprendemos desde a adolescência nas salas de aulas que todo poder emana do povo, particularmente nunca acreditei nesse poder que não pode. Ao contrário acredito que todo poder é dado do Alto. “Sem mim nada podeis fazer!” Disse o General dos Exércitos, e disse mais; “Nenhuma autoridade tu terias sobre mim, se do Alto não te fosse dado.” A política, é uma ferramenta poderosa e deveria ser usada a favor dos povos, literalmente. Infelizmente a palavra política atualmente ecoa como “fonte de riqueza fácil”, alguns políticos, não todos, até porque toda regra há exceção, não consegue andar sozinho em via publica, em ambiente público como um Shopping Center por exemplo, com toda certeza será xingado com palavras de baixo calão, neles atirarão além das setas que fere como palavras cáusticas, ovos etc.

Deveria ser exatamente o contrário, deveria ser aquela pessoa que refletisse a imagem da segurança, do respeito absoluto, amado por todos.

Sabemos que não passa de um sonho tal aspiração, enquanto a política não for curada de sua enorme enfermidade “CANCER MORAL”.

Finalizo por aqui dizendo que ainda bem que conhecemos um velho ditado que diz: “Enquanto a vida, há esperança” e mais; “Tudo passa, menos as minhas Palavras, essas não hão de passar – JESUS”. Esse modus operandi dessa atual política, também vai passar e ai daqueles que não acreditarem ....

João Pessoa-PB, 03 de março de 2021

Miranez Matias do Vale

ABCP – Academia Brasileira de Ciência Política

Conselheiro.

Fotos
2 fotos


Comentários
0 comentários


  • Enviar Comentário
    Para Enviar Comentários é Necessário estar Logado.
    Clique Aqui para Entrar ou Clique Aqui para se Cadastrar.

Ainda não Foram Enviados Comentários!

Copyright 2021 - Jornal Pacifista - All rights reserved. powered by WEB4BUSINESS

Inglês Português Frances Italiano Alemão Espanhol Árabe Bengali Urdu Esperanto Croata Chinês Coreano Grego Hebraico Japonês Hungaro Latim Persa Polonês Romeno Vietnamita Swedish Thai Czech Hindi Você